CURITIBA, UMA CIDADE QUE FAZ QUALQUER UM SE APAIXONAR.

 

Curitiba é uma cidade que me encanta muito,  por isso aproveitei um feriado de três dias, e fui visitar novamente essa cidade incrível. 

 

COMO SE LOCOMOVER

O Aeroporto Internacional Afonso Pena, fica um pouco distante da cidade, e eu não recomendo alugar um carro, pois a mobilidade na cidade é muito fácil de ônibus. Peguei um UBER, que deu cerca de R$ 40,00 até meu Hostel.

O hostel que fiquei foi o Motter Home, que fica localizado no Mercês/Batel, para mim um dos melhores bairros de Curitiba. Ele é muito bom. Com um ótimo atendimento, café da manhã e espaço em si.

 

DICAS

Uma dica para quem vai a primeira vez para Curitiba, e não sabe por onde começar, ou como fazer os passeios, eu recomendo MUITO, o ônibus turístico (aquele mesmo de 2 andares, que a parte de cima é aberta!) que passa por todos os principais pontos turísticos da cidade, custa cerca de R$ 50,00 reais, e você tem direito a 4 paradas. 

Recomendo ir de ônibus de linha, para a primeira atração, como o jardim botânico por exemplo, para não gastar um ticket, e já pegar o ônibus turístico lá na porta.

Vale a pena levar sua garrafinha de água, e ir roupas confortáveis para andar.

 

O QUE FAZER EM CURITIBA

Curitiba tem diversas atrações e uma vida noturna muito agitada, segue abaixo alguns lugares que visitamos:

JARDIM BOTÂNICO 

Como eu citei acima, compensa ir até lá de ônibus de linha, e lá pegar a linha turismo.

O jardim botânico é o principal cartão postal de Curitiba, e a entrada é franca. É um parque muito bonito e gigante, MUITO bem cuidado, além da tradicional estufa. Eu fiquei cerca de 40 minutos lá, mas isso vai do tempo que você quer curtir a natureza. Normalmente de final de semana o lugar é bem cheio, principalmente a estufa, então esqueça as fotos só você e o cartão postal.

 

Jardim Botânico

Jardim Botânico

Jardim Botânico

 

BOSQUE DO PAPA E MUSEU OSCAR NIEMEYER 

Um dos lugares que só passei na frente da outra vez que fui, e fiquei com muita vontade de parar, foi o museu em formato de olho, sobre um espelho de água.

Para você que também quer escolher o museu como parada, meu conselho é descer no ponto do bosque do papa, que é um lugar muito bonito, e também um memorial Polonês bem interessante, com artefatos da cultura deles. E de lá ir andando,  cerca de cinco minutos até o museu.

O museu é muito bonito e bem planejado, além de conhecer os andares e salas com exposições, vale a pena ir até o “olho” e conferir a exposição que tem lá em cima, que é um show a parte. Infelizmente não se pode filmar =( , mas bater foto sem flash eles autorizam.

 

Museu Oscar Niemeyer

Dentro do olho do museu

Entrada do bosque do Papa

Bosque do Papa

 

ALMOÇAR NO MADALOSSO

No meio do passeio, com certeza a fome é algo que vai atacar. Para isso a dica é parar no bairro italiano Santa Felicidade, mais especificamente o Restaurante Madalosso, para almoçar.

Considerado o maior restaurante do mundo, você pode escolher em comer no Madalosso antigo, ou no novo (o maior do mundo). Eu particularmente prefiro comer no antigo, que o rodizio é mais completo, e tem um preço bem justo.

De la você pode subir um pouquinho a rua, e encontrar algumas lojas de chocolate, vinhos e queijos, que valem muito a pena!

 

Restaurante Madalosso

 

PARQUE TANGUÁ E ÓPERA DE ARAME

Assim como no anterior, essas duas atrações podem ser feitos com um ticket só. O meu conselho é descer no parque Tanguá, e ir andando até a ópera de arame, porque você irá pegar somente descida, e a pé é uma vantagem.

O parque Tanguá, é uma das vistas mais bonitas de Curitiba. Ao chegar nele, vá direto a parte debaixo do parque, que tem uma vista da cachoeira e do lago. Além do píer com quiosque. Depois, encare alguns degraus, e vá para a parte de cima do parque, que tem uma espécie de chafariz, que você pode subir, e ter toda a vista da parte debaixo do parque.

 

Parque Tanguá

Parque Tanguá

Parque Tanguá

Parque Tanguá pate de baixo - Curitiba, PR

Parque Tanguá

 

Saindo do parque, andando cerca de 10 a 15 minutos, você pode ir para a ópera de arame, que é uma pedreira desativada, onde foi construído uma espécie de teatro aberto, todo de ferro. O lugar é sensacional, se não estiver tendo algum ensaio, você pode entrar e conhecer dentro. É um lugar bem gostoso e bonito, vale a pena conhecer e tomar um café.

 

Entrada da Ópera de arame - Curitiba, PR

Entrada da Ópera de arame

Ópera de arame

 

TORRE PANORÂMICA DA OI 

Fomos a pé do hostel até a torre da Oi. Uma espécie de mirante, no alto de uma torre, em que você tem uma visão de 360 graus da cidade inteira. Você paga cerca de R$ 5,00 a entrada, e normalmente tem uma fila grande, mas que anda rápido. É um lugar que vale muito a pena, e fica aberto até umas 18/19 horas.

 

 

Torre Oi

Torre Oi

 

RUA 24 HORAS

Creio que a rua 24 horas foi o único lugar frustrante da viagem. Pois é apenas uma espécie de galeria, com algumas lojas e poucos lugares para comer.

Pode ser que devido o tempo ruim, as luzes não estarem acesas e estar meio vazio, trouxe esse clima que não esperávamos, mas não é o lugar que eu aconselho a gastar seu ticket.

 

Rua 24 horas

 

TREM PARA MORRETES

Resolvemos fazer o passeio de trem para Morretes, mais detalhes e toda a descrição sobre o passeio, basta clicar AQUI.

 

Trem para Morretes

 

NOITE EM CURITIBA

Você pode conferir clicando AQUI, as dicas da noite em Curitiba.

 

Mustang Sally

 

Bom é isso galera. Em resumo, Curitiba é um lugar sensacional, e sai de lá com a mesma sensação que da última vez, querendo voltar mais e mais.

 

Você pode conferir abaixo, um pouco do meu vídeo em Curitiba:

 

 

Related Post

Pin It on Pinterest

Share This