Fomos viajar para Jamaica e separamos o que fazer em Port Antonio!

Ahhh essa cidade! Port Antonio foi nossa terceira parada, e uma das cidades que mais curtimos durante a viagem.

A estrada de Kingston para lá no começo é MUITO ruim e perigosa, por isso não aconselho ir à noite. Mas chegando mais perto de Port Antonio, a estrada tem uma vista muito bonita.

Port Antonio é uma cidade pequena, e antigamente era conhecida como um balneário freqüentado por varias celebridades, inclusive o ator Errol Flynn.

É uma cidade que muitas vezes acaba ficando de fora dos roteiros tradicionais, pois é meio fora de mão e também porque não tem grandes hotéis de rede all inclusive, o negócio lá são hotéis boutiques e guest houses, apesar de ter alguns hotéis bem luxuosos.

Ela tem um centrinho feio e bagunçado, com muitas pessoas andando na rua, e alguns restaurantes e lojinhas. Porem nas áreas mais afastadas você vai encontrar as praias mais bonitas da Jamaica, e uma natureza completamente preservada.

Lá ficam diversas atrações imperdíveis como a Blue Lagoon, com uma beleza inacreditável, a Frenchman´s Cove, conhecida como uma das praias mais bonitas da Jamaica, e a famosa Reach Falls, uma cachoeira simplesmente incrível.

Vale falar que Port Antonio é o local de nascimento da comida típica Jerk, foi lá que foi filmado o filme Cocktail com Tom Cruise, e a maior parte dos hotéis, tem restaurantes aberto para não hospedes.

Uma coisa que gostamos muito na cidade é que quase não vimos vendedores ambulantes.

Essa é a cidade que você não pode deixar de visitar se for à Jamaica, pois é uma mistura de lindas praias com uma natureza intocável, imperdível.


TÓPICOS:

  1. ONDE SE HOSPEDAR EM PORT ANTONIO
  2. DICAS;
  3. O QUE FAZER EM PORT ANTONIO;
  4. ONDE COMER/IR A NOITE EM PORT ANTONIO;
  5. RESUMO FINAL – PORT ANTONIO.

Para ler o post de dicas gerais sobre a Jamaica, clique AQUI.

1. ONDE SE HOSPEDAR EM PORT ANTONIO

Existem diversos hotéis MUITO bons em Port Antonio, com estruturas muito boas, porém os preços podem dar um grande susto no seu bolso. Pesquisamos muito antes de ir, pois não entendíamos muito bem como funcionava a cidade, e os preços pareciam ser altos para o que ofereciam, mas acredito que acertamos em cheio na nossa escolha.

ALL NATIONS GUEST HOUSE

Nós ficamos hospedados no “All Nations Guest House”, perto da praia de San San. Para chegar lá, enfrentamos um pouco de dificuldade, pois o caminho do Waze levava para um lugar completamente diferente e acabamos ficando perdidos, tivemos que pedir informações na rua e só assim conseguimos chegar.

A localização da guest house é muito boa, perto de algumas das melhores atrações de Port Antonio, como a Blue Lagoon, porem é um pouco mais longe do centro.

Nós pagamos R$ 483,50 duas diárias em um quarto duplo, pela Expedia. O quarto era bem limpo e espaçoso, com ar e banheira, alem de ter wifi incluso, área de lazer, piscina, cozinha e café da manhã por um preço extra.

O anfitrião da casa é um Italiano rastafári que mora na Jamaica, muito gente fina. Fomos muito bem tratados, e a estrutura num geral era bem boa, nos sentimos em casa.

Fizemos amizades com uma galera bem bacana de outros lugares do mundo, e o rasta nos deu dica de passeios e indicou lugares para comer a noite. Alem de tudo o hotel, fica localizado em cima de um morro, com uma vista bem bonita para o mar, curtimos e indicamos demais.

All Nations Guesthouse
All Nations Guesthouse
Um dos quartos do All Nations
Um dos quartos do All Nations. Foto: site All Nations Guesthouse
Com drone no All Nations
Com drone no All Nations.
All Nations Guesthouse
All Nations Guesthouse

Para reservar um hotel em Port Antonio, clique AQUI.

SAN SKY RESORT

Essa é a vila que fica na frente da guest house que ficamos(foto acima), inclusive a área de lazer da piscina é a mesma. O local conta com cinco quartos, e a estrutura é muito boa.

San Sky Resort e All Nations ao fundo
San Sky Resort e All Nations ao fundo. Foto: All Nations Guesthouse
San Sky
San Sky. Foto: San Sky

Para reservar um hotel em Port Antonio, clique AQUI.

GOBLIN HILL VILLAS AT SAN SAN

Localizada perto de onde ficamos hospedados, essa villa conta com uma ótima estrutura, com jardim, piscina, quadra de tênis e bar.

Goblin Hill Villas at San San
Goblin Hill Villas at San San. Foto: Goblin Hill Villas at San San
Goblin Hill Villas at San San
Um dos quartos do Goblin Hill. Foto: Goblin Hill Villas at San San

Para reservar um hotel em Port Antonio, clique AQUI.

ACKEE TREE SEA VIEW VILLA

Essa villa fica em Fairy Hill, perto de Boston Beach, e conta com jardim, terraço e um bar lounge

Ackee Tree Sea-view Villa
Ackee Tree Sea. Foto:Ackee Tree Sea-view Villa
Ackee Tree Sea-view Villa
Ackee Tree Sea. Foto: Ackee Tree Sea-view Villa

Para reservar um hotel em Port Antonio, clique AQUI.

MOON SAN VILLA AT THE BLUE LAGOON

Com localização estratégica do lado da famosa Blue Lagoon, com restaurante, bar e café da manhã incluso. O lugar oferece uso de barco para snorkel e organizam passeios de bicicleta pela Blue Mountain.

Moon San Villa at Blue Lagoon
Vista do patio. Foto: site Moon San Villa at Blue Lagoon
Moon San
Moon San. Foto: site Moon San Villa at Blue Lagoon

Para reservar um hotel em Port Antonio, clique AQUI.

HOTEL MOCKINGBIRD HILL

Este hotel está localizado 4,5 km da Blue Lagoon, com café da manha incluso, piscina, quartos com vista, bar e o restaurante Mille Fleurs.

Mocking Bird Hill
Mocking Bird Hill. Foto: Hotel Mockingbird Hill
Um dos quartos
Um dos quartos. Foto: Hotel Mockingbird Hill

Para reservar um hotel em Port Antonio, clique AQUI.

GEEJAM

Hotel boutique de luxo e estúdio de gravação onde vários artistas famosos já gravaram, localizado na frente da nossa guesthouse.

É bem arrumado, com uma decoração incrível, possui um SPA, café da manhã e alguns quartos têm hidromassagem na varanda.

Lá fica o restaurante Bushbar,  que inclusive conhecemos.

Geejam Hotel
Geejam Hotel. Foto: GeeJam
Um dos quartos
Um dos quartos. Foto: GeeJam

Para reservar um hotel em Port Antonio, clique AQUI.

TRIDENT HOTEL

Esse é o hotel mais chique e exclusivo de Port Antonio, que conta com praia privada, piscina de borda infinita, SPA e café da manha incluso.

Alguns quartos têm piscina e banheira privativa.

O local possui um restaurante chamado The Veranda, e um bar chamado Mike’s Supper Club, e fica 6,6 km da Blue Lagoon.

The Trident Hotel
The Trident Hotel. Foto: The Trident Hotel
Um dos quartos do Trident
Um dos quartos do Trident. Foto: The Trident Hotel

Para reservar esse hotel, clique AQUI.

VEJA NO MAPA ABAIXO A LOCALIZAÇÃO DOS HOTÉIS:

2. DICAS

  • Todos os lugares fomos seguindo o Waze.
  • Fique bem atento na estrada, pois tem muitas placas indicando a localização e o GPS às vezes não leva para o lugar certo.
  • É de graça para entrar na Blue Lagoon, não caia no papo dos locais, querendo passar à pena nos turistas.
  • Um passeio pela Reach Falls é imperdível. Vá até a entrada da cachoeira e não faça o trajeto dos nativos.
  • O melhor lugar para ficar hospedado é perto de San San Beach e Blue Lagoon.
  • Não deixe de conhecer a Blue Lagoon. Vale à pena fazer o passeio de bambu pela lagoa.
  • Dirija com cuidado, pois a galera não é muito paciente no trânsito, e são um pouco acelerados.
  • Lá foi o lugar que menos vimos assedio de vendedores locais.
  • Vá com atenção na avenida, e respeitando o limite de velocidade, pois vimos blitz policial lá.
  • Pare no Juici patties e coma um pastelzinho delicioso
  • Ficar em uma Guesthouse é uma ótima opção
  • Existem alguns mercadinhos e vendinhas na beira da pista que vale a pena parar para comprar suprimentos.
  • Leve dinheiro trocado para pagar as atrações, e se prepare, pois em todos os lugares vão pedir gorjeta.
  • Para comprar lembrancinhas tem o Musgrave Market, do lado da Marina.
  • Se não tiver feito o passeio para as Blue Mountains de Kingston, faça de Port Antonio.
  • Para comidinhas rápidas e baratas, em Port Antonio tem KCF, Juice Patties e Tastee.

3. O QUE FAZER EM PORT ANTONIO

SOMERSET FALLS

Essa cachoeira fica no caminho de Kingston para Port Antonio, em Hope Bay, e na estrada tem uma placa indicando.

Somerset é uma propriedade com muita natureza, com cachoeiras e lagoas lindas, e para ver todas as quedas, é indicado um curto passeio de barco ao longo do rio Daniel.

Uma opção muito comum é ir de barco e depois voltar nadando.

É uma área repleta de natureza, com muitas plantas e pássaros. No local tem um restaurante.

Funciona diariamente das 9h00 às 17h00, e o preço para entrar é U$ 20,00.

Somerset Falls
Somerset Falls. Foto: Somerset Falls

MARINA ERROL FLYNN E CENTRINHO DE PORT ANTONIO

Localizada no centro de Port Antonio, a marina é um lugar muito popular para se andar, com uma vista muito bonita.

Lá tem vários lugares para comer, lojinhas e piscina, além de uma praia chamada Bikini´s Beach e uma ilha na frente a Navy Island.

Para quem tiver tempo livre, ali perto tem alguns pontos importantes para a cidade, como o Fort George, construído em 1729 para proteger a Jamaica de invasões estrangeiras, o local agora é uma escola(Titchfield High School), e grande parte do forte foi perdida, restando poucas coisas desde a sua construção original.

E a igreja Portland Parish Church construída no final da era georgiana.

• FOLLY POINT LIGHTHOUSE 

Andando uns 15 minutos da igreja, tem esse farol que foi construído em 1888 e de lá pode-se ter uma linda vista.

Ouvir falar também da Folly Mansion/Ruins, que fica do lado do farol, e que é um lugar muito histórico, onde antigamente era uma mansão que acabou levando uma série de contos folclóricos, mas não tenho muitas informações.

TRIDENT CASTLE

Um Lugar lindo que avistamos do carro e ficamos curiosos para saber o que era.

É um castelo com vista para o mar, e um dos locais mais exclusivos da Jamaica, que possui vários quartos, piscina, praia particular e capela.

Foi construído para a baronesa Elizabeth Siglindy Stephan von Thyssen, mas agora hospeda celebridades, e também é um local especializado em fazer casamentos.

Não sei se é aberto para visitação, seria bom se informar antes de ir ao local.

FRENCHMAN´S COVE

Uma praia particular pequena, que é considerada uma das mais bonitas da Jamaica.

O diferencial dela é que o oceano se encontra com um rio de água cristalina, alem de balanços pendurados nos galhos das arvores na margem do rio, o que deixa a paisagem mais linda ainda.

Lá fica o hotel “Frenchman´s Cove Resort”, com vilas no meio da floresta, ideal para quem curtir a tranqüilidade do lugar.

O local também possui um restaurante, nós comemos um hambúrguer e achamos bem gostoso, porém se você quiser sentar nas cadeiras terá que pagar, por isso indico levar sua canga/toalha.

Para entrar paga-se U$ 10,00, e tem estacionamento no local.

Frenchman's Cove
Frenchman’s Cove
Balanço na Frenchman's Cove
Balanço na Frenchman’s Cove
Frenchman's Cove
Frenchman’s Cove
Frenchman's Cove
Frenchman’s Cove
Frenchman's Cove
Frenchman’s Cove

• SAN SAN BEACH

Essa praia perto da nossa guest house, fica entre a Frenchman’s Cove e a Blue Lagoon, inclusive dela você consegue avistar a Monkey Island.

Ela é na beira da estrada principal, e no local tem um restaurante e cadeiras para alugar.

Funciona das 10h00 as 16h00 e para entrar é necessário pagar U$5,00.

BLUE LAGOON

Esse foi o primeiro passeio que fizemos em Port Antonio, e um dos motivos que nos fez incluir a cidade em nosso roteiro. Ela fica um pouco depois da San San Beach, e é de fácil acesso na beira da estrada.

É uma lagoa de águas cristalinas, a água é uma mistura de doce e salgada, pois a lagoa é aberta para o mar e alimentada por uma fonte mineral de água doce, com isso você consegue notar a diferença na temperatura da água dependendo do lugar que você está.

Ela tem uma cor azul turquesa e é cercada por uma vegetação intocável, com muito verde ao seu redor, inclusive a cor da água muda conforme o longo do dia, quando chegamos à água parecia azul turquesa, mas durante o passeio de barco a água foi mudando e vimos vários tons diferentes.

No lugar tem um pequeno estacionamento, lembrando que o local é publico, e não se paga nada para entrar, sendo que às vezes os locais tentam passar a perna nos turistas falando que é pago, então não caia nessa, só pague se você for fazer algum dos passeios. O lugar em si não tem muito estrutura, e os locais ficam lá oferecendo mil coisas.

Recomendo muito você fazer um passeio de barco para conhecer melhor o lugar.  Nós fechamos com um guia o passeio de jangada de bambu, pagamos U$ 35,00 para o casal, lembrando que sempre tem que negociar os preços, que eles colocam lá em cima e vão diminuindo.

O passeio foi muito gostoso, durou cerca de quarenta minutos e o guia nos deu varias informações, mostrando as mansões construídas ao redor da lagoa, a casa que Tom Cruise ficou hospedado quando filmou o filme Cocktail, a casa do 50cent, além de algumas casas com uma arquitetura muito diferente do que estamos acostumados.

No passeio está incluso uma parada em Monkey Island, pequena ilha com muita vegetação, e seu nome é porque antigamente o local era uma colônia de macacos, fizemos snorkel e exploramos a água, que nessa parte era muito transparente com extrema visibilidade, e diversos tons diferentes de azul.

Voltando, ficamos nadando um pouco na lagoa e vimos que tinha alguns lugares com cordas penduradas nas arvores para o pessoal pular, e também uma mini represa com água natural com um balanço para tirar fotos, foi Incrível, uma beleza indiscutível conhecer esse lugar mágico e ainda com a vegetação totalmente preservada.

Vale ressaltar, que quando estávamos no canto da lagoa tirando umas fotos, apareceu do nada um cara, perguntando se queríamos alguma droga, que podíamos ir com ele que ele arrumava, negamos, e o cara foi embora, mas é sempre bom ficar atento galera.

Blue Lagoon
Blue Lagoon
Passeio com jangada de bambu pela Blue Lagoon
Passeio com jangada de bambu pela Blue Lagoon.
Casas ao redor da Blue Lagoon
Casas ao redor da Blue Lagoon
Blue Lagoon
Blue Lagoon
Blue Lagoon
Blue Lagoon
Monkey Island
Monkey Island
A incrível cor do mar em Monkey Island
A incrível cor do mar em Monkey Island
Nadando na Blue Lagoon
Nadando na Blue Lagoon
Passeio de canoa de bambu
Passeio de canoa de bambu
v
Passeio de canoa de bambu na Blue Lagoon
Blue Lagoon
Blue Lagoon
Balanço na Blue Lagoon
Balanço na Blue Lagoon

WINNIFRED BEACH

Uma das poucas praias da região que não se paga para entrar, porem na entrada uma pessoa fica no estacionamento, pedindo uma contribuição para ajudar a preservar a praia.

Ela fica em uma área chamada Fairy Hill, e é muito linda, grande com a água muito clara, e estava mais cheia que as outras.

Nela também tem um bar, lugares de sobra para estacionar os carros e vimos muito mais locais do que turistas nessa praia.

Ela fica meio fora de mão, e o acesso é feito por uma estrada que se inicia da estrada principal, você vai ver uma placa e andar bastante até chegar nela.

Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach
Winnifred Beach

REACH FALLS

Outro lugar que queríamos muito ir, principalmente porque foi um dos lugares em que foi gravado o filme Cocktail.

O local é uma propriedade que pode ser considerada um santuário ecológico, com muitas plantas e espécies de animais, e é considerada uma das mais bonitas cachoeiras da Jamaica.

São varias cascatas e quedas da água, que formam uma piscina natural em forma de coração na base da cachoeira. O lugar conta com uma ótima estrutura, pois pertence ao governo federal, vale muito à pena conhecer.

Levamos em torno de 50 minutos do hotel até lá, a estrada era bem ruim e esburacada, além de muitas pessoas andando no meio da pista.

Quando você for, tome cuidado, pois antes de chegar à entrada principal da cachoeira, alguns nativos vão te abordar na estrada falando para você pegar eles como guia, que eles têm uma entrada “diferenciada”, o meu conselho é para não fazer isso, pois alguns não têm acesso à cachoeira principal, então vá até a portaria de entrada.

Funciona de quarta a domingo 8h30 as 16h30 e custa U$ 10,00 para entrar.

Entrada da Reach Falls
Entrada da Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls
Reach Falls

• BOSTON BEACH

Essa praia fica entra as regiões de Boston Bay e Fairy Hill, e não estava no nosso roteiro, mas voltando da Reach Falls passamos por ela e resolvemos parar.

Não é uma praia muito turística, e é uma das poucas praias que tem ondas.

Você paga uma taxa de U$2,00 para entrar, tem estacionamento e ela possui umas barracas bem simples para comer.

Comemos um jerk chicken que estava bem gostoso, além disso, lá ficam algumas pessoas te oferecendo aulas de surf, e caiaque para alugar.

Uma curiosidade é que Boston Beach é conhecida pelos seus jerks, e foi o local de nascimento dessa comida típica jamaicana.

Boston Beach
Boston Beach
Boston Beach
Boston Beach
Boston Beach
Boston Beach
Boston Beach
Boston Beach

• LONG BAY

No caminho para Reach Falls, passando Fair Prospect, fica essa praia, que não tivemos tempo de conhecer.

Ela é conhecida por ter a água clarinha, um ótimo lugar para fazer snorkel.

Dizem que é uma praia menos cheia do que as outras, e me parece que não paga para entrar, porem não tenho certeza.

• BAMBOO RAFTING NO RIO GRANDE

Como já tínhamos feito o passeio de bambu na Blue Lagoon, e estávamos com pouco tempo, optamos por não fazer esse, mas ouvi dizer que vale muito a pena.

É um passeio de jangada de bambu pelo Rio Grande, um dos rios da Jamaica.

Você pode fechar esse passeio com agencias, ou lá no “Rafter’s Rest”, que fica no final do Rio Grande, e de lá ir para o ponto de partida de onde sai o passeio.

O passeio desce o rio e no meio do caminho para em um restaurante chamado Belinda’s, que é bem tradicional, e para conseguir acessá-lo somente de barco, dizem ser um dos melhores lugares para se comer a verdadeira comida jamaicana.

O preço para o casal é em torno de U$80,00. Numa próxima com certeza quero fazer esse passeio, que parece ser muito demais.

• NANNY FALLS

Essa cachoeira é muito bonita, mas é meio escondida.

Fica localizada em torno de meia hora de Port Antonio, em Moore Town, e seu nome é em homenagem a heroína “Nanny of the Maroons”, que levou muitos escravos fugitivos à liberdade.

Outras cachoeiras que são mais escondidas e que ficam ali na região de Portland é a FISHDONE WATER FALLS e a SCATTER WATER FALLS. Infelizmente não tenho muitas informações, mas vale pesquisar se tiver interesse.

• BLUE AND JOHN CROW MOUNTAINS NATIONAL PARK

Já tinha falado sobre esse parque no post de Kingston, porem se você não vai para lá, vale a pena fazer esse passeio de Port Antonio, que fica 65 km de distancia.

É um parque nacional, que cobre 41.198 hectares, incluindo a montanha mais alta da Jamaica a Blue Mountain em 2.256 metros.

É considerado patrimônio mundial pela UNESCO, e é o segundo lugar mais alto no Caribe.

É o paraíso para quem ama a natureza, pois conserva diferentes espécies de plantas, aves, borboletas, sendo que algumas são exclusivas da ilha, além de ser a casa do café Blue Mountain,onde se é possível fazer um tour pelas varias plantações de cafés.

Holywell é a maior área do parque e possui um centro de visitantes, funciona de terça a domingo das 9h00 as 17h00.

Em Portland e Holywell tem cabanas para quem quiser se hospedar, além de lugares para acampar.

Endereço: 25 Eastwood Park Road, Kingston 10.

Mapa Jamaica
Mapa

ATRAÇÕES NO PARQUE:

Holywell Nature Walks – Cinco trilhas para caminhada, que compreende por: Blue Mahoe Trail(250m), Oatley Mountain Trail(1,2km), Waterfall Trail(1,3km), Shelter Trail (600m),Wagwater Trail (600m) e paga-se U$10,00 para poder fazer essas cinco trilhas, que são pontuadas por quadros informativos autoguiadas.

Holywell Coffee Tours– Passeios guiados para a famosa fazenda de plantação de café, Twyman’s Old Tavern Coffee Estate. Você pode escolher se quer só conhecer a plantação (duração de 1h30), ou se quer incluir uma caminhada (duração de 4 horas), os preços variam de U$ 25-30,00.

Bird Watching– Passeio para observação de pássaros, mais de 200 espécies, começam as 6h00, e custa U$ 100,00 para um grupo de até 10 pessoas.

Blue Mountain Peak Trail – A trilha para subir a famosa montanha é uma distancia de 9,3 km de caminhada até o ponto mais alto, e custa U$20,00, sem o transporte.

A maneira mais popular de fazer o passeio é sair de Penlyne Castle ou Whitfield Hall de madrugada em um 4×4, e ir até a estrada Abbey Green, para começar a trilha. De Abbey Green até Portland Gap, são 3,7 km.  E depois de Portland Gap até o cume são 5,6 km.

Muitas pessoas optam por passar a noite em Portland Gap e sair de lá, pois o trajeto se torna mais rápido, e devido ao horário muitas pessoas preferem fazer o passeio com guia, mas não é obrigatório.

A melhor época para fazer a trilha é de dezembro a abril, e a distância ida e volta são 18,6 km, feitos em mais ou menos 7 horas (saindo de Abbey Green),

Outro passeio indicado que você pode fechar nas agencias é o Blue Mountain Bicycle Tours, um tour guiado de bicicleta pelas montanhas, que passa pelas plantações de café e cachoeiras, com uma linda paisagem, ótimo para curtir o ar puro das montanhas.

Para mais informações sobre o parque clique aqui.

VEJA NO MAPA ABAIXO A LOCALIZAÇÃO DAS ATRAÇÕES:

4. ONDE COMER/IR A NOITE:

• WI YARD ANNA BANANA

Restaurante local bem conhecido, com especialidade de frutos do mar, com vista para o mar.

• MILLE FLEURS

Restaurante do Hotel MockingBird Hill, que fica no segundo andar do hotel,  de culinária caribenha e européia,com uma vista incrível do mar. Lembrando que é necessário reservar.

Mille Fleurs
Mille Fleurs. Foto: Hotel Mockingbird Hill

• THE VERANDA

Restaurante do Trindent Hotel, um bom restaurante de comidas variadas, com preço mais elevado e uma vista incrível, é necessário fazer reserva.

The Veranda
The Veranda. Foto: site The Trident Hotel

• WOODY´S LOW BRIDGE PLACE

Localizado perto da guesthouse que ficamos, esse é um lugar especializado em hambúrgueres caseiros, o vegetariano é super elogiado, e só aceitam dinheiro.

• THE ITALIAN JOB

Restaurante no centro de Port Antonio, com opções de pizzas e massas.

the italian job
The Italian Job. Foto: the italian job

• SYD´S CAFE AT REBECCA´S TOWN HOUSE

Do lado do Italian Job, fica esse café em uma casinha bem bonitinha, bom lugar para tomar um lanche da tarde.

• BUSHBAR

Esse é o restaurante do Geejam Hotel, que fica em frente a nossa guesthouse.

A especialidade é pratos jamaicanos com um toque asiático, e o lugar em si é bem bonito, mais arrumado, com a comida muito boa.

A unica coisa que não gostamos é que alem de ser super caro, a comida demorou muito para vir, e no final eles não tinham troco e queria que passássemos o cartão, o que não tínhamos no momento. No final tivemos que deixar o dinheiro lá e ficar sem o troco.

Por isso se você for é bom levar cartão, além de ter que reservar antecipadamente.

Bushbar. Foto:

• BOSTON JERK CENTER

Lugar muito tradicional na cidade, com algumas barracas muito simples, que vendem jerk pork/chicken, e também sucos.

Esse é o lugar ideal para você experimentar essa iguaria jamaicana, pois como já tinha falado acima, foi em Boston que surgiu.

O local abre todos os dias, e só aceitam dinheiro.

Boston Jerk Pork Center, Portland Parish
Boston Jerk Center. Foto: Boston Jerk Pork Center, Portland Parish

VEJA NO MAPA ABAIXO A LOCALIZAÇÃO DOS BARES/RESTAURANTES:

5. RESUMO FINAL

Port Antonio é literalmente um daqueles lugares que saíram de um filme. Com muita natureza, e muitos lugares lindos.

Não deixe de visitar os principais pontos, pois cada um tem sua beleza e peculiaridade, e evite dirigir a noite na estrada, pois ela é bem esburacada e pouco iluminada, por isso se hospedar em um hotel que ofereça refeições e seja bem localizado é uma boa pedida.

Em um resumo, não deixe de conhecer e ficar alguns dias nessa cidade incrível, você não vai se arrepender.

Essa postagem sobre o que fazer em Port Antonio, foi bem detalhada para você utilizar em seu roteiro de viagem. Então aproveite

Se quiser mais informações sobre a Jamaica, não deixe de dar uma olhada nos outros posts:

Related Post

Pin It on Pinterest

Share This