DicasSéries Especiais

PRAIAS DE AREIAS COLORIDAS: DESCUBRA ONDE ENCONTRÁ-LAS!

Esqueça o padrão de praia que você já viu: areia com cor de areia. Imagine, agora, um lugar de areia roxa, rosa, vermelha, verde, preta e laranja. Sim, elas existem e você precisa conhecer. Se tiver planejando um rolê no exterior, vale a pena incluir essas praias raras para se encantar e relaxar.

Um dos destinos com o maior número delas é o Havaí, mas há outros lugares. A escolha fica com você, dependendo do seu orçamento e vontades. E, se quer saber o motivo da coloração, a maior parte é formada com os anos de erosão de minerais vulcânicos e fragmentos de lava combinados com o fluxo e o refluxo da maré dos oceanos. Legal, né? Veja algumas delas:

Punalu’u Black Sand Beach – Big Island, Havaí

Cor da areia: preta

Fica entre Pahala e Naalehu, na ilha de Big Island. A tonalidade da areia vem da lava que corre para o oceano e explode ao tocar a água. Desse movimento, surgem pequenos fragmentos de lava preta, que se espalham e tomam conta do lugar. Punalu´s Black Sand Beach também conta com tartarugas verdes, que estão ameaçadas de extinção. O mar é forte, com muitas pedras, exigindo cuidado do banhista. Por fim, a praia é bem estruturada, com banheiro e estacionamento.

Punalu’u Black Sand Beach

Papakōlea Green Sand Beach – Big Island, Havaí

Cor da areia: verde

Fica perto de South Point, no distrito de Kaʻū na ilha de Big Island. É uma das únicas praias de areia verde no mundo. A Papakōlea foi esculpida dentro de uma cratera em formato de cone. A cor verde-oliva da areia vem da presença de uma pedra semipreciosa esverdeada chamada olivina que vem do cone de cinzas de Pu’u Mahana, um vulcão na fenda sudoeste de Mauna Loa. A força erosiva do oceano lavando a base do cone de cinzas Pu’u o Mahana extraiu as olivinas das cinzas e as depositou na praia. Só que para chegar até lá exige respiração e energia: são muitos km de caminhada por campos de lava àsperos e ventosos. E ainda tem uma descida de um penhasco. Há a opção ainda de pegar shuttle com a população local. Não tem estrutura como banheiro, mesas ou bebedouro; o mar é agitado e perigoso, mas o visual é incrivelmente incrível.

Papakōlea Green Sand Beach

Pololu Black Sand Beach – Big Island, Havaí

Cor da areia: preta

O Pololu Valley é um dos sete vales profundos da Big Island. Foi esculpido pelo vulcão Kohala, o mais antigo dos cinco vulcões que formam a Ilha Grande, no Havaí. Se você quiser conhecer o vale de perto, pode fazer uma trilha que começa no final do estacionamento e vai até a praia, chegando lá você encontra uma praia de areia preta composta principalmente de rochas de lava vulcânica. Não acabou: as ondas são fascinantes, mas perigosas também. Não tem salva-vidas e não é recomendado nadar ou surfar. É daquelas praias contemplativas!

Pololu Black Sand Beach – Créditos: David Kent/Flickr

Kaihalulu Beach (Red Sand Beach) – Maui, Havaí

Cor da areia: vermelha

O vermelho também tem lugar garantido entre as areias coloridas. A Kaihalulu é cortada pelo cone de cinzas Ka’uiki Head, um cone de cinzas ao sul de Hana na costa leste de Maui. Ela tem um formato crescente, e é uma das praias mais lindas que já vimos. A sua cor avermelhada se dá devido a praia ser formada por rochas de lavas, e devido à sua exposição ao ar livre, o alto teor de ferro das rochas, formou ferrugem, e isso deixou a areia com uma cor avermelhada. A cor da areia contrasta com o azul do mar e o verde das árvores ao redor, criando um cenário incrível. Para variar, é bom saber que o acesso é meio difícil, exigindo uma caminhada curta, porém estreita e íngreme. O acesso à praia é em propriedade privada, então vá por sua conta e risco, inclusive por ser considerada uma praia sagrada pelos locais, as empresas de turismo se sentem desencorajadas a levar os turistas até lá.

Kaihalulu Beach

Pa’iloa Beach – Maui, Havaí

Cor da areia: preta

Tem mais no Havaí: o Parque Estadual Wai’anapanapa, que fica na Road to Hana, na ilha de Maui, abriga outra praia de areia preta, a Pa’iloa. É pequena e sua tonalidade foi formada há centenas de anos, quando a lava foi resfriada pelas ondas do Oceano Pacífico. O cenário se completa com cavernas marinhas, piscinas de água doce, túneis e penhascos. O contraste do azul cristalino do mar com a vegetação e a areia preta são de tirar o fôlego. Atenção à maré. O parque conta com excelente estrutura, que inclui estacionamento e banheiros, e reservas antecipadas são necessárias.

Pa’iloa Beach

Waipi’o Valley Black Sand Beach – Big Island, Havaí

Cor da areia: preta

Fica no distrito de Hamakua, em Big Island. Conhecido como Vale dos Reis – com uma linda praia de areia preta cortada por um rio, além de montanhas e cachoeiras. É outro cenário de areia preta e que exige um certo esforço para chegar. A estrada é bem íngrime e pede um veículo 4X4. Também dá para ir a pé, mas a caminhada é longa e exige esforço físico. Entrar no oceano pode ser perigoso devido às correntes de retorno e ondas altas. Curiosidade: o Waipio Valley foi cenário da cena final do filme Waterworld, de 1995, com Kevin Costner.

Waipio Valley

Pink Sands Beach – Harbour Island, Bahamas

Cor da areia: rosa

São 4,8 km de areia rosa e fofa, na costa leste de Harbour Island, uma das menores ilhas das Bahamas. Diferentemente das praias já citadas, essa é ótima para um banho, com águas mornas e cristalinas. A coloração vem das conchas vermelhas de criaturas marinhas chamadas foraminíferos. Depois que esses insetos morrem, a ação das ondas esmaga os corpos e leva os restos mortais para a costa e os mistura com a areia e pedaços de coral. Pedaços de coral quebrados, conchas e carbonato de cálcio também ajudam a dar um pouco de cor à praia. Outra diferença para as praias citadas anteriormente: a ilha tem muitas atrações dia e noite e vários hotéis para se hospedar como o Pink Sands Resort.

Pink Sands Beach – Créditos: Getty Images

Horseshoe Bay Beach – Southampton, Bermudas

Cor da areia: rosa

Localizada na Bermudas, esse é um ótimo destino para nadar, praticar esportes como snorkel, bodysurf, bodyboard, além de explorar as cavernas. Tem boa estrutura turística e rende belíssimas fotos. Seu tom rosa clarinho vem de uma mistura de coral esmagado e carbonato de cálcio dos organismos forminíferos vermelhos.

Horseshoe Bay Beach – Créditos: Malcolm Manners/Flickr

Pantai Merah (Pink Beach) – Komodo Island, Indonésia

Cor da areia: rosa

Parte do Parque Nacional de Komodo, essa é outra praia de areia rosa cuja cor vem dos foraminíferos. O cenário se completa com o mar turquesa, de águas cristalinas. É ótimo lugar para curtir o sol e observar a fauna marinha com um snorkel. A Ilha de Komodo é conhecida como o habitat natural do dragão do Komodo, o maior lagarto vivo.

Pantai Merah (Pink Beach) – Créditos: pantaimerah.com

Tangsi Beach (Pink Beach) – Lombok, Indonésia

Cor da areia: rosa

De águas calmas, excelentes para mergulhar ou relaxar. Sua areia rosada também é formada pela mistura da areia branca com pedaços esmagados de coral rosa. Fica em Sekaroh, no distrito de Jerowaru East Lombok, esta praia também tem um cenário natural muito bonito, rodeado por falésias e é um dos destinos mais intocados em Lombok.

Reynisfjara Beach – Vik, Islândia

Cor da areia: preta

Uma das mais famosas praias de areia preta da Islândia, na costa sul do país, ao lado da pequena vila remota Vík í Mýrdal, a sua cor preta é resultado da atividade vulcânica da região. O cenário é lindo: areia preta com formações rochosas incríveis, como um penhasco composto por colunas de basalto, falésias e cavernas escondidas. Não é praia própria para nado, por isso é recomendado ficar fora da água, devido as correntes muito fortes. A praia fica localizada menos de 200 km da capital da Islândia, Reykjavík. Outras praias de areia preta na Islândia para dar uma olhada: Sólheimasandur e Diamond Beach.

Playa Negra Puerto Viejo de Talamanca, Costa Rica

Cor da areia: preta

A Playa Negra se estende por mais de 10 km desde a entrada oeste de Puerto Viejo até o nordeste do Cahuita National Park. Uma praia que permite aos visitantes relaxar e desfrutar da sua tranquilidade. É ótimo lugar para surfistas iniciantes, mas é prudente consultar as condições locais antes de nadar. Outras praias de areia preta na Costa rica para dar uma olhada: Playa Negra e Playa Carbon em Guanacaste.

Playa Negra (Negrita) – Vieques, Porto Rico

Cor da areia: preta

Uma das praias mais deslumbrantes da ilha de Vieques, em Porto Rico. Lá você encontrará penhascos rochosos, falésias, arbustos desérticos contrastando com as águas azul e a areia preta da praia, resultado de lava e outros materiais vulcânicos quebrados ao longo de séculos pelo oceano, tornando um local pitoresco para visitar e fotografar. A Playa Negra fica a uma curta distância de carro da comunidade de Esperanza.

Ramla Bay – Gozo, Malta

Cor da areia: dourada-avermelhada

Famosa por sua grande faixa de areia dourada e avermelhada, Ramla é um lugar maravilhoso para nadar e tomar um sol. A área ao redor da praia oferece vistas panorâmicas de importância histórica, inclusive para a Caverna Calypso. Na Odisséia, essa caverna é onde o personagem da mitologia grega Ulisses foi mantido prisioneiro por 7 anos pela própria Calipso.

Karekare Beach – Karekare, Nova Zelândia

Cor da areia: preta

Na Nova Zelândia, também encontramos praia de areia colorida. Em Karekare Beach, na base do Waitakere Ranges Regional Park, a praia tem areia preta devido aos restos de uma antiga cratera vulcânica, belas formações rochosas e ondas poderosas, além de ser protegida pelos moradores locais e considerada uma área preservada. Fica em torno de 40 km de Auckland. Foi cenário do filme “O Piano”, vencedor do Oscar em 1993. Atenção para as fortes correntes, uma das mais perigosas do país. Outras praias de areia preta que você encontra na região é a Piha, Whatipu, Bethells e Muriwai Beach.

Taharuu Beach – Tahiti, Polinésia Francesa

Cor da areia: preta

Cerca de 40 km a sudeste de Papeete, em Paparā, na ilha de Tahiti, a praia de Taharuu tem uma vasta extensão de areia preta, palmeiras verdes brilhantes e mar azul profundo. De águas calmas para que gosta, e algumas ondas interessantes para os surfistas. Outra praia de areia preta que você encontra na Polinesia Francesa é a Papeno’o Beach.

Perissa Beach – Santorini, Grécia

Cor da areia: preta

Fica no sudeste de Santorini e é considerada uma das mais famosas da ilha de Santorini. São cerca de 3 km de extensão de águas cristalinas e areia preta que atraem, principalmente, jovens. Mas também é destino escolhido por muitas famílias. Os visitantes podem alugar equipamentos de esportes aquáticos para atividades como caiaque, mergulho e windsurf. A praia de Perissa está ligada a praia de Perivolos e é uma região bem badalada. Outras praias de areia preta que você encontra na ilha de Santorini é a Perivolos Beach, Kamari Beach, Vlychada Beach, e Mesa Pigadia Beach.

Perissa Beach – Créditos: Sk/Flickr

Playa de Monterrico – Monterrico, Guatemala

Cor da areia: preta

Outra praia de cor preta, devido a origem vulcânica da região. É parte do Biotopo Monterrico-Havaí, uma reserva natural que se estende por aproximadamente 20 km de praia, incluindo os manguezais adjacentes. A cidade é conhecida por quem pratica ecoturismo e pela conservação das tartarugas marinhas.

Playa de Monterrico – Créditos: By DrStockPhoto.com – Own work, CC BY-SA 4.0,

Xi Beach – Kefalonia, Grécia

Cor da areia: dourado-avermelhado

A Kefalonia é uma das ilhas gregas mais lindas, parte do arquipélago das Ilhas Jônicas. É lá que fica a Xi Beach, parte do distrito de Mantzavinata, marcada pela sua areia fofa de cor dourada-avermelhada – que surgiu devido à geografia da região. O contraste as falésias é outro ponto que chama a atenção dos visitantes. Na região há boas opções de hospedagem e de gastronomia.

Xi Beach Kefalonia – Créditos: Chris Barnes/Flickr

Kokkini Paralia (Red Beach) – Santorini, Grécia

Cor da areia: vermelha

Localizada perto do Akrotiri Archaeological Site, na costa sudoeste de Santorini, fica a Praia Vermelha, também conhecida como Kokkini Paralia. O nome vem da cor das rochas e falésias que a envolvem, criadas a partir da lava vulcânica. É bom saber que a área é propensa a deslizamentos de terra, ou seja, é bom se informar sobre as condições antes de planejar a sua viagem.

Pfeiffer Beach – Big Sur, California

Cor da areia: violeta

Bem famosa pela cor da sua areia, e pelo belo Keyhole Arch, que fica ao largo da praia, Pfeiffer Beach é um dos pontos mais fotografados de Big Sur. Não é o destino mais conhecido entre os turistas, mas, sem dúvida, um cenário incrível com as suas particularidades. A praia é conhecida por caminhos de areias roxas que são ocasionalmente vistas, especialmente após as chuvas. A cor roxa é causada pelos depósitos de granada de manganês que descem para a praia das colinas vizinhas. Por estar voltado para o oeste, rende fotos lindas, ainda mais com a areia dando um brilho especial.

Anse Couleuvre – Saint-Pierre, Martinica

Cor da areia: preta

A Anse Couleuvre é uma bela praia de areia vulcânica devido as várias erupções do Mount Pelée, ela é rodeada por falésias, com incrível vegetação. Fica em Saint-Pierre, que tem uma história interessante. Em 1902 a capital da Martinica foi destruída quando o Mount Pelée entrou em erupção e matou milhares de moradores, ficando conhecido como um dos piores desastres vulcânicos do século XX. Por isso, visitando o lugar, ainda é possível encontrar vestígios da cidade velha.

Anse Couleuvre – Créditos: azmartinique.com

Outras praias com areia colorida para dar uma olhada:

  • Red Sands Shore – Prince Edward Island, Canadá – areia vermelha
  • Playa Jardín – Santa Cruz de Tenerife, Spain – areia preta
  • Mero Beach – Roseau, Dominica – areia preta
  • Miho no Matsubara Beach – Shizuoka, Japão – areia preta
  • El Golfo – Lanzarote, Ilhas Canárias – areia preta
  • Elafonissi Beach – Crete, Grécia – areia rosa
  • Pink Sand Beach – Barbuda, Antígua e Barbuda – areia rosa
  • Pink Sand Beach – Great Santa Cruz Island, Filipinas – areia rosa
  • Porto Ferro Beach – Sardenha, Itália – areia laranja
Porto Ferro Beach – Créditos: Alkan2011/Getty Images
Seguros Promo

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo